-

-

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

PAI NOSSO!

P- Pai nosso que estás nos céus.

C- Não posso dizer ... PAI... se não vivo como um verdadeiro filho de Deus; não posso dizer... PAI NOSSO... se vivo só para mim memso e não tenho tempo para o meu próximo; não posso dizer... QUE ESTÁS NOS CÉUS... se me ocupo e me preocupo apenas com as coisas terrenas .

P-santificado seja o teu nome.

C- Não posso dizer assim.. se não santifico o teu nome com as minhas palabrs e atitudes.

P- Venha o teu reino.

C- Não posso pedir pelo teu reino... se só vivo para esta vida terrena.

P- Seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu.

C- Não posso dizer assim...se não aceito a tua vontade em minha vida e não vivo esta vontade na minha família, Igreja, escola e na sociedade.

P- O pão nosso de cada dia nos dá hoje.

C-Não posso pedir pelo pão... se não reconheço que tudo o que tenho vem de ti. Ó Deus, e se a minha preocupação com as coisas materiais é tamanha que não tenho tempo para o teu reino.

P- E perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós também perdoamos aos nossos devedores.

C- Não posso dizer assim... se não consigo perdoar aqueles que pecam contra mim, seja em palavras ou atitudes e se guardo raiva e ódio contra os outros.

P- E não nos deixes cair em tentação.

C- Não posso dizer isso.. se deliberadamente participo de programas e situações onde estou sujeito à tentação e ao erro.

P-Mas livra-nos do mal.

C- Não posso dizer assim... se não estou disposto a lutar contra o mal com as armas que o Senhor me deu – a Palavra e os santos Sacramentos.

P- Pois teu é o reino...

C- Não posso falar no reino de Deus... se não vivo como um servo do Rei Jesus.

P- Teu é o poder e a glória para sempre.

C-Não posso falar assim... se só confio em mim mesmo, se só busco a minha glória e não consigo enxergar além desta vida.

P- Amém – assim seja!

C- Não posso dizer... AMÉM...se não estou disposto a viver o que pedi nessa oração.

T- Senhor, ajuda-me a viver e a praticar tudo o que me ensinaste a pedir nesta oração. Amém.

Você quer saber mais?

http://construindohistoriahoje.blogspot.com/search/label/F%C3%89

Palavras aos Jovens.

A juventude é o penhor mais sagrado da Pátria!
Dela, somente dela, depende o futuro de uma Nação.
Juventude sem ideal é pátria sem continuidade.
Sem memória para recordar as glórias do passado, nem forças para realizar a grandeza nacional em luminoso porvir.
Bendita seja, pois, a Mocidade Brasileira, que desperta e caminha, e sonha e luta na plenitude da consciência de seu dever e da sua missão histórica.
Plínio Salgado (1953)
O mundo será melhor amanhã, se amanhã formos melhores!
Jovem!
Exercita tua personalidade. Repele a condição de massa de manobra.
Não te deixes influenciar por modismos e não te impressiones com imagens sensacionalistas.
Não dês ouvidos a frases de efeito.
Não abras mão jamais de senso crítico!
Aprenda a discernir qual a diferença entre uma doutrina que queira fazer a tua cabeça e uma outra em cuja essência possas encontra as respostas que buscas para a consolidação de tua personalidade.
Ao te interessares por uma ideologia procura conhecê-la a fundo e, se essa ideologia for compatível com teus ideais, segue-a com entusiasmo e lealdade, porém, sem fanatismo, para que a razão prevaleça sempre sobre o instinto e sobre as emoções.
Procura conhecer e adaptar-se às leis de teu País, lembrando sempre que, para os problemas sociais não existe solução fora da legalidade!
Sê fiel aos teus princípios!
Não te comprometas com ideologias extremistas e não te envolvas com movimentos cujos objetivos não correspondam plenamente aos teus ideais.
Não comprometas jamais tua consciência!
Esforça-te para ser hoje melhor do que fostes ontem, se quiseres que o mundo seja melhor amanhã!
Código de Ética do Estudante – XL
Se és incapaz de sonhar nascestes velho.
Se teus sonhos te impedem de agir conforme a realidade nasceste inútil!
Mas, se és capaz de transformar sonhos em realidade e de tocar a realidade que te cerca com a luz de teus sonhos, então serás grande na tua Pátria e tua Pátria será grande em ti!
Plínio Salgado (1953)
Você quer saber mais?

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
"O Homem inventou a máquina. A máquina, agora, quer fabricar homens. E se um dia saírem homens do ventre das usinas, também os úteros das mulheres gerarão homens-máquinas, sem coração, sem afeto, meros aparelhos de produção..."

Plínio Salgado.