-

-

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Dinossauros ganham vida em exposição na França

Dinossauros "vivos"

Uma exposição em Paris reproduz um parque de dinossauros e traz mais de 50 animais em tamanho real, que “ganharam vida” graças à tecnologia.

Construídos com um sofisticado sistema robótico e equipados com sensores, os dinossauros se mexem e emitem rugidos quando detectam a aproximação de uma pessoa. Eles também possuem sensores nos olhos, que permitem acompanhar os movimentos de alguém próximo.

“O Tempo dos Dinossauros”, apresentada no Parque de Exposições da Porta de Versalhes, mostra 31 espécies em tamanho original em ordem cronológica, como o Tiranossauro Rex, o mais temido carnívoro da história, que podia atingir até seis metros de altura.

A exposição também traz representações de um brontossauro, um tricerátops - herbívoro semelhante a um rinoceronte, mas do tamanho de um elefante -, e um espinossauro, o maior dinossauro carnívoro que já existiu, com seus seis metros de altura por 15 a 18 de comprimento.

Uma descoberta recente, o ampelossauro, dinossauro herbívoro com cerca 15 metros de comprimento do pescoço à cauda e dotado de uma armadura sobre as costas, cujo esqueleto foi encontrado no sul da França em 2002, também ganhou uma representação robótica na mostra.

O paleontólogo francês Jean Le Loeuff, que descreveu e nomeou o ampelossauro, participou da organização da exposição.

O espinossauro foi o maior dinossauro carnívoro e bípede, com seis toneladas a até 18 metros de comprimento.

Ambiente sombrio

Os dinossauros estão espalhados por uma floresta artificial, de mais de 6 mil metros quadrados, recriando o ambiente natural dos dinossauros, que surgiram na Terra há cerca de 220 milhões de anos.

“É um zoológico pré-histórico em Paris”, afirma Pascal Bernardin, organizador da exposição.

Segundo ele, foram necessários nove meses para fabricar, na China, os robôs-dinossauros, cobertos com pele de borracha.

Os robôs foram concebidos por engenheiros da Disney. O investimento total foi de US$ 2 milhões (cerca de R$ 3,8 milhões), afirma Bernardin. A exposição, que fica em cartaz até 31 de julho, também apresenta dados sobre a evolução e os hábitos alimentares destes animais pré-históricos, extintos há cerca de 65 milhões de anos. Um filme em 3D conta a origem dos dinossauros e as diferentes teorias sobre seu desaparecimento.

Dinossauros pela cidade

O Tempo dos Dinossauros é apenas uma de três exposições dedicadas aos animais pré-históricos em cartaz na capital francesa. As outras duas mostras têm um lado mais científico e pedagógico, o que não deixou de atrair inúmeros visitantes. “A Fome dos Dinossauros”, no Palácio da Descoberta, tem atraído, desde dezembro, 80 mil visitantes por mês. Devido ao sucesso, o evento, que deveria terminar em maio, foi prolongado até 1° de setembro.

O Museu de História Natural de Paris inaugurou em abril a mostra “Dans l’Ombre des Dinosaures” (“Na Sombra dos Dinossauros”, em tradução literal), que tenta explicar como e por quais razões os dinossauros foram extintos.

Você quer saber mais?

http://www.bbc.co.uk/portuguese/cultura/2010/05/100524_dinossauros_paris_aw.shtml

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para você que visitou o meu blogue, e compartilhou de seu conhecimento nesse espaço. Contribuindo com o crescimento do Construindo História Hoje. O meu muito obrigado, por fazer parte desse humilde projeto, que busca levar de forma simples e objetiva o entendimento dos acontecimentos historicos.
Cordialmente,
Leandro Claudir

Para usted que ha visitado mi blog, y compartió sus conocimientos en esta área. Contribuir al crecimiento de la construcción de la Historia de Hoy. Mi gracias por ser parte de este proyecto humilde, que trata de tener una comprensión simple y objetiva de los acontecimientos históricos.
Atentamente,
Leandro Claudir

For you who visited my blog, and shared his knowledge in this area. Contributing to the growth of the Building History Today. My thank you for being part of this humble project, which seeks to take a simple and objective understanding of historical events.
Sincerely,
Leandro Claudir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
"O Homem inventou a máquina. A máquina, agora, quer fabricar homens. E se um dia saírem homens do ventre das usinas, também os úteros das mulheres gerarão homens-máquinas, sem coração, sem afeto, meros aparelhos de produção..."

Plínio Salgado.