-

-

terça-feira, 13 de novembro de 2012

Imperadores Cristãos. Parte IV. Imperador Romano Constante.


Busto do Imperador Romano Constante. Imagem: Museu Louvre, Paris.

Flávio Júlio Constante nascido em 320 d.C em Sírmio, foi um imperador romano que governou de 337 a 350 d.C. Constante foi o terceiro e mais jovem filho de Constantino I e Fausta, segunda esposa de Constantino.

A partir de 337, ele foi co-imperador com seus irmãos Constâncio II e Constantino II. Na divisão administrativa do império ocorrida após a morte de Constantino. Em 341-342 d.C, Constante liderou uma campanha de sucesso contra os francos.

O escritor Julius Firmicus Maternus mencionou que Constante visitou a Britânia nos primeiros meses de 343, mas não explicou porquê. A velocidade desta viagem, junto com o fato que ele cruzou o Canal da Mancha durante os perigosos meses de inverno, sugere que foi em resposta a algum tipo de emergência militar.

A maior parte dos membros da Dinastia Constantiniana eram devotos Cristãos.

Constante promulgou um édito banindo os sacrifícios pagãos em 341.

Imperadores Cristãos. Parte III. Imperador Romano Constâncio II.


Busto de Constâncio II. Imagem: Museu de Arqueologia da Universidade da Pensilvânia.

Nascido em 7 de agosto de 317 d.C em Sírmio, com o nome de Flavius Iulius Constantius, mais conhecido como Constâncio II. Imperador romano oriental de 337 d.C – 361 d.C.   Segundo filho de Constantino I, o Grande, governou o Império Romano do Oriente, em Constantinopla.

Após a morte de Constantino I, o Império Romano foi dividido em três regiões administrativas diferentes e governado por seus três filhos. O mais velho, Constantino II, governou a parte Ocidental, que abrangia a Hispânia e a Gália, com capital em Augusta Treverorum (atual Trier). Constante, o terceiro filho, governou a parte central (Itália e Ilíria), com capital em Mediolanum (atual Milão).

Foi Constâncio II, que inaugurou a Igreja de Hagia Sophia em Fevereiro de 360 d.C.  Nas Crônicas de Sócrates de Constantinopla diz que a igreja foi construída por ordem de Constantino, o Grande. 

Junto com os irmãos Constantino II e Constante foram feitos césares 333 d.C e herdeiros do Império pelo próprio pai Constantino I, o Grande. Antes de morrer, Constantino I dividiu o Império entre seus três filhos, ficando para ele assumir o controle do Oriente, onde continuou a luta contra os persas.

Constâncio II apoiou o irmão Constante na sua ambição de controlar o Ocidente, o que provocou a morte de Constantino II, em Aquiléia (340).

Flavius Iulius Constantius ou Constâncio II. Imagem: Dec Ufcg.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
"O Homem inventou a máquina. A máquina, agora, quer fabricar homens. E se um dia saírem homens do ventre das usinas, também os úteros das mulheres gerarão homens-máquinas, sem coração, sem afeto, meros aparelhos de produção..."

Plínio Salgado.