-

-

terça-feira, 28 de agosto de 2012

A Pirâmide Perdida de Djedefre.


Reconstrução grafica da Pirâmide de Djedefre. Imagem: History

Durante uma escavação em um lugar afastado do Planalto de Gizé, uma equipe de arqueólogos encontrou evidências de uma quarta pirâmide. Construída pelo Faraó Djedefré (Dyedefra), filho e sucessor de Quéops (Keops), ficou esquecida e soterrada pelas areias do deserto por mais de 5000 anos. 

Uma equipe de arqueólogos foi responsável por descobir essa pirâmide gigante. À medida que escavam nas profundezas das câmaras da pirâmide, as provas mostram que esta é a quarta e última pirâmide de Gizé. A sua construção, há cinco mil anos, foi uma corrida contra o tempo. Em apenas sete anos, entre a sua subida ao poder e a sua morte, o envelhecido faraó Djedefré estava determinado em exceder os
feitos do seu odiado pai, o grande Quéops, o faraó mais poderoso que o Egito alguma vez conheceu. Radjedef iria imprimir a sua supremacia neste mundo e no próximo fazendo erigir a mais alta pirâmide alguma vez construída, elevando-se 60 pés acima da Grande Pirâmide de Gizé, de Khufu.

 Ruínas da Pirâmide de Djedefre. Imagem: Canal de História.

Ao longo dos cinco milênios seguintes, a pirâmide de Radjedef foi esquecida e quase enterrada pelas invasivas areias do deserto numa ponta remota do planalto de Gizé e o seu significado para as três grandes pirâmides foi perdido. Atualmente, o topo da pirâmide desapareceu uma vez que lhe foram sendo retiradas e recicladas partes ao longo dos milênios para construir Cairo antiga; esta estava mais vulnerável à destruição às mãos do homem devido à sua localização mais remota. A areia também reivindicou algumas das partes mais baixas da pirâmide. Por estas razões, os arqueólogos e os egiptólogos só recentemente estabeleceram a ligação às pirâmides de Gizé. Hoje, apenas com uma reindentificação positiva é que os egiptólogos ingleses e norte-americanos, incluindo Michel Vallogia, da Universidade de Genebra, e Joanne Rowlands, da Universidade de Oxford, liderados pelo Diretor do Supremo Conselho para as Antiguidades do Egito, Dr. Zahi Hawass, redescobriram a quarta e a maior das pirâmides.

 Escultura representando o Faraó Djedefre. Imagem: Canal de História.

O Canal de História terá direito exclusivo à própria escavação, à identificação positiva final e a todas as revelações científicas que estão a ser feitas sobre esta. Construindo um túnel por baixo da quarta pirâmide e utilizando avançada tecnologia, incluindo um radar que penetra no solo, os peritos irão pôr a nu a estrutura da pirâmide de Radjedef, identificar a sua planta e estabelecer as câmaras individuais. A equipe irá, igualmente, mostrar como é que a redescoberta e a atribuição da pirâmide a Radjedef podem fornecer as pistas que faltavam para construir uma planta do planalto de Gizé. Isto incluiu os elevados trilhos construídos para levar as pedras até ao local das pirâmides; gigantes canais para os barcos fúnebres ou solares de 47 pés que transportariam a múmia do faraó até à pirâmide; e que seriam então sepultados junto às pirâmides para transportarem os faraós até às estrelas e à vida no além. Irá mostrar o labirinto de túneis que ligavam as pirâmides e os palácios dos faraós. 

COPYRIGHT ATRIBUIÇÃO - NÃO COMERCIAL © 

Copyright Atribuição –Não Comercial© construindohistoriahoje.blogspot.com. Este texto está sob a licença de Creative Commons Atribuição-Não Comercial.  Com sua atribuição, Não Comercial — Este trabalho não pode ser usado  para fins comerciais. Você pode republicar este artigo ou partes dele sem solicitar permissão, contanto que o conteúdo não seja alterado e seja claramente atribuído a “Construindo História Hoje”. Qualquer site que publique textos completos ou grandes partes de artigos de Construindo História Hoje tem a obrigação adicional de incluir um link ativo para http:/www.construindohistoriahoje.blogspot.com.br. O link não é exigido para citações. A republicação de artigos de Construindo História Hoje que são originários de outras fontes está sujeita às condições dessas fontes e seus atributos de direitos autorais.



Você quer saber mais? 









LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
"O Homem inventou a máquina. A máquina, agora, quer fabricar homens. E se um dia saírem homens do ventre das usinas, também os úteros das mulheres gerarão homens-máquinas, sem coração, sem afeto, meros aparelhos de produção..."

Plínio Salgado.