-

-

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Poema-O Livro

Plínio Salgado.

O livro é um forte guerreiro,

É um rijo batalhador...

Domina o Universo inteiro

Com formidável vigor,

Responde augusto e altaneiro

Cheio de um vivo fulgor !

O livro é um forte guerreiro...

Nas mais tremendas batalhas,

Nos conflitos das nações,

- Mais forte que mil fornalhas

Das forjas de mil titões.

-Tem mais valor que as metralhas,

Tem mais valor que os canhões

- Nas mais tremendas batalhas!

O livro é um forte guerreiro...

Nas mais tremendas batalhas...

(Escrito aos 16 anos de idade)

Você quer saber mais?

http://www.integralismo.blogspot.com

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
"O Homem inventou a máquina. A máquina, agora, quer fabricar homens. E se um dia saírem homens do ventre das usinas, também os úteros das mulheres gerarão homens-máquinas, sem coração, sem afeto, meros aparelhos de produção..."

Plínio Salgado.