-

-

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

BRIC 2020: que papel cabe ao Brasil?

Em um mundo cada vez mais multipolar, emergentes devem se fortalecer como potências ( lideres da Índia, Russia, China e Brasil).

Muitos economistas acreditam que até o final da próxima década os países que formam o chamado BRIC - Brasil, Rússia, Índia e China - estarão entre as maiores economias do mundo, muito próximas de gigantes como Estados Unidos, Japão e Alemanha. Segundo analistas, nos últimos anos estes países tiraram da pobreza mais de meio bilhão de pessoas, incorporando esse enorme contigente à classe média, aumentando, em consequência, a capacidade de consumo interno. Com esse incremento, os especialistas acreditam que esses países dependerão cada vez menos de mercados tradicionais, como Estados Unidos e Europa, e representarão o verdadeiro motor que impulsiona o consumo mundial. Em consequência, os governos desses países querem passar a ter uma voz mais ativa nas grandes decisões mundiais. O Brasil e a Índia pleiteiam uma cadeira permanente no Conselho de Segurança da ONU e, individualmente, cada um dos BRIC quer ter maior participação nas decisões do Fundo Monetário Internacional.

Apesar do reconhecimento da importância dos BRICs na economia mundial, os países ricos ainda relutam em partilhar em pé de igualdade os grandes fóruns internacionais onde são tomadas as decisões que mais afetam o mundo globalizado. Na sua opinião, os BRICs vão chegar a dominar a economia global? Que papel você acha que o Brasil deve ter na política internacional? Os países do BRIC deveriam ter uma voz ativa e em pé de igualdade nas decisões mais importantes?

Você quer saber mais?


http://www.bbc.co.uk/portuguese/noticias/2009/03/090330_russia_ffaa.shtml

http://www.bbc.co.uk/portuguese/noticias/2009/03/090330_brasil_bric_energia.shtml

http://www.bbc.co.uk/portuguese/noticias/2009/03/090330_bricsabertura_ss.shtml

http://www.bbc.co.uk/portuguese/multimedia/2009/03/090327_jimoneil_brics.shtml

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
"O Homem inventou a máquina. A máquina, agora, quer fabricar homens. E se um dia saírem homens do ventre das usinas, também os úteros das mulheres gerarão homens-máquinas, sem coração, sem afeto, meros aparelhos de produção..."

Plínio Salgado.